10°C 13°C
Altônia, PR
Publicidade

Festival de Audiovisualidades do MAC-PR inicia itinerância pelo Interior nesta quarta-feira

Festival celebra produção audiovisual contemporânea, trazendo seleção diversificada de curtas-metragens, videoartes e experimentações de até 15 mi...

09/07/2024 às 14h47
Por: Nelson Lima Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: Anderson Tozato/SEEC-PR
Foto: Anderson Tozato/SEEC-PR

O Festival de Audiovisualidades do Museu de Arte Contemporânea do Paraná (MAC Paraná) começa nesta quarta-feira (10) sua itinerância, com apresentações em Jacarezinho, no Norte Pioneiro, e Londrina, no Norte. O festival celebra a produção audiovisual contemporânea, trazendo uma seleção diversificada de curtas-metragens, videoartes e experimentações de até 15 minutos. Além das exibições, a programação inclui bate-papos com especialistas das artes e do audiovisual.

Promovido pela Associação de Amigos do Museu de Arte Contemporânea do Paraná (AAMAC), em parceria com a Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) e a Universidade Estadual de Londrina (UEL), o festival busca democratizar o acesso à cultura e fomentar a reflexão e expressão artística.

O evento iniciou na semana passada, entre os dias 4 e 7 de julho, com uma programação diversificada que incluiu exibições de filmes e debates com profissionais do setor.

Beatriz Vasconcelos, professora de Cinema e Audiovisual na UENP, destacou a importância do festival. “Vem suprir uma lacuna na cidade e no Estado, dando voz a artistas e pesquisas dedicados às formas contemporâneas do audiovisual, suas questões estéticas e éticas, e criando um espaço de interlocução entre artistas e público”.

Continua após a publicidade

Nesta quarta-feira (10), em Jacarezinho, e sexta-feira (12), em Londrina, o Festival continua com suas exibições itinerantes. Para a diretora do MAC Paraná, Carolina Loch, a democratização do acesso é essencial para não limitar a programação apenas a Curitiba. “Estamos expandindo nossas atividades para outras cidades, garantindo que o conteúdo da Capital seja compartilhado e reforçando a ideia de que o MAC-PR não é apenas um museu de Curitiba, mas sim do Estado todo”, afirma.

JACAREZINHO– Em Jacarezinho, às 20h, será apresentada a mostra "Diversidade, Memória e Resistência" no Museu de Arte e Cultura Popular do Norte do Paraná, localizado no Parque Universitário de Ciência, Cultura e Inovação da UENP. O evento contará com um bate-papo com a curadora Aricia Machado, mestra em Cinema e Artes do Vídeo e em Ecologia e Evolução, além de artista multimídia e pesquisadora das artes do vídeo.

LONDRINA– O Festival segue para Londrina, onde a mesma mostra "Diversidade, Memória e Resistência" será apresentada às 19h, no Museu Histórico de Londrina Padre Carlos Weiss. Após a exibição, haverá uma mesa de conversa com a professora Maria Cristina Cavaleiro, doutora em Educação pela Universidade de São Paulo (USP) e pesquisadora em políticas educacionais, gênero e sexualidades, e o professor Richard Gonçalves André, pós-doutor em História pela USP e pesquisador da história das religiões e fontes imagéticas.

Continua após a publicidade

DIVERSIDADE, MEMÓRIA E RESISTÊNCIA– Essa mostra tem como propósito destacar perspectivas sub-representadas no campo audiovisual, contribuindo para a conscientização e o diálogo sobre questões de raça, gênero e sexualidade. Com 10 obras audiovisuais selecionadas por edital de inscrição de artistas, a mostra itinerante tem curadoria do pesquisador e artista visual Fábio Noronha, pós-doutor em Processos Artísticos Contemporâneos.

Para o curador do Festival, Fábio Noronha, até os anos 1980 a integração entre vídeo e arte era raramente vista em museus e galerias no Paraná. "A importância da ação da AAMAC para a ampliação do acervo de videoarte do museu é, então, destacada pela própria história do vídeo no Salão Paranaense dos anos 1980 e 1990: nesses vinte anos, cerca de dez trabalhos em vídeo foram selecionados", diz.

Confira as obras em exibição:

Práticas de Cura, Memórias de uma Benzedeira – Tiago Angelo

Continua após a publicidade

Todo es de color – Francisco Mallmann

A água que cai do céu é absorvida pelo solo – Mari Queiroz

PORTAIS 3.1 – Núcleo de Estudos e Criação Cênico-Visual

Te Esqueci no Deságue do Meu Peito – Júlia Sakemi

NÓS – Coletivo Duas Marias

Normal a Ditar – David Jogia

Carne sobre tela – Grazi Labrazca

Perfeita – Maritza Muniz

Nhãndê kuery mã hi'ãn rivê hê'yn’ (Não Somos apenas sombras) – Dino Menezes

Para mais informações, visite o site oficial do evento .

Serviço:

1º Festival de Audiovisualidades do MAC Paraná

Jacarezinho: Museu de Arte e Cultura Popular do Norte do Paraná, Av. Marciano de Barros 700 – dia 10 de julho às 20h

Londrina: Museu Histórico de Londrina Padre Carlos Weiss, R. Benjamin Constant 900 – dia 12 de julho às 19h.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Altônia, PR
Tempo nublado

Mín. 10° Máx. 13°

Sensação
2.85km/h Vento
93% Umidade
100% (1.02mm) Chance de chuva
07h17 Nascer do sol
06h04 Pôr do sol
Dom 15° 10°
Seg 18°
Ter 20° 13°
Qua 24° 15°
Qui 28° 17°
Atualizado às 01h01
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 334,169,34 +0,81%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias